quarta-feira, 22 de junho de 2011

Meu

Ainda não pude sentir o calor de teus beijos,
o que não significa que não sonhe com eles...
Mas um dia quem sabe, numa praça ou lago...
Chegue enfim...
O ato final de nossos destinos...
de nossos amores...
de mim pra você, de você para mim...
O mais doce beijo
Do mais puro desejo, da sina do mundo
Do futuro da vida...
Do meu destino laçado ao seu...

Nenhum comentário:

Postar um comentário